Ouça agora na Rádio

N Notícia

O Diário

FOTO: O Diário

Bicicleta de homem encontrado decapitado em Ivoti foi apreendida com traficantes

Ivoti

Ivoti – Um detalhe importante, e que pode ser crucial para desvendar a morte do servente de pedreiro Elói Werlang, é que no dia que sumiu, ele saiu de casa com uma bicicleta laranja. A bicicleta foi apreendida pela Polícia Civil, na tarde da última quinta-feira, durante uma operação contra o tráfico de drogas, em uma velha e conhecida boca de fumo localizada na rua Taquari. A boca de fumo fica menos de 100 metros do local onde o corpo de Elói foi desovado.

Além disso, segundo familiares de Elói, ele era colega de trabalho de Marcelo Kornelius, que foi preso durante a operação da última quinta-feira, como sendo integrante da quadrilha de traficantes ligada a facção Os Manos. Segundo a polícia, Kornelius seria “olheiro” do tráfico e era quem cedia a casa onde funcionava a boca de fumo.

Até ontem, a polícia não sabia que a bicicleta apreendida na operação, que resultou na prisão de três adultos e na apreensão de um adolescente de 17 anos, era do servente de pedreiro que estava desaparecido.

O corpo de Elói foi encontrado na tarde de ontem dentro de um arroio no final da rua Taquari, no bairro Morada do Sol. Além de estar sem a cabeça, os pés e mãos estavam amarrados, e o corpo enrolado em um cobertor.

FONTE: O Diário
Link Notícia