Ouça agora na Rádio

N Notícia

Nova Petrópolis - Poços do interior ainda não entrarão em funcionamento

FOTO: O Diário

Nova Petrópolis - Poços do interior ainda não entrarão em funcionamento

O casal Renato e Jussara Schneider, como os demais moradores, segue utilizando a água da vertente local

Nova Petrópolis - Um problema comum entre os moradores das localidades do interior do município só terá solução a partir de 2018. Os seis poços artesanais perfurados ha mais de um ano, em quatro comunidades, ainda aguardam a rede de distribuição para o abastecimento. “Nós gastamos cerca de R$ 200 mil nesses poços, tivemos que fazer remanejo de recursos e para 2017 não temos como fazer a instalação. São coisas diferentes”, explica o secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Lucas de Lima.
RECEIO DO VERÃO
Apesar da data prevista, os moradores que não possuem abastecimento de água encanada, já temem o próximo verão. “Qualquer seca no verão, não vem nenhuma gota de água. É sério o nosso problema, o prefeito sabe, os vereadores sabem, quase todo mundo sabe da nossa necessidade. A gente precisa para tomar banho, para tomar água, para cozinhar. E daí tu levanta de manhã e não tem água. Se é um dia ou dois, tudo bem, mas tem vezes que ficamos dias sem”, desabafa o morador Renato Schneider, 58.
No Stille Eck, as cerca de 20 famílias recebem a água de uma vertente e, após a perfuração do poço artesanal, a expectativa era de finalmente normalizar o consumo. “No verão a gente precisa comprar muita água da Corsan, que também não tem muita e paga frete para os Bombeiros, o que em média custa R$ 150, para sete mil litros”, ressalta Renato.
FONTE: O Diário
Link Notícia